21 de Abril de 2018 | 15:07
You are here:  / BRASIL / DESTAQUES / INTERNACIONAL / Sem categoria / Ministro Aloysio Nunes diz que Venezuela expulsou brasileiro

Ministro Aloysio Nunes diz que Venezuela expulsou brasileiro

O governo brasileiro confirmou que o catarinense Jonatan Moisés Diniz, 31, preso em 27 de dezembro na ditadura de Maduro, foi libertado neste sábado (6) e está em um avião com destino a Miami. As informações são da Folha.

Ele havia sido sequestrado pelo Sebin (Serviço Bolivariano de Inteligência, a polícia política da ditadura de Nicolás Maduro) e estava na prisão da sede da agência, em Caracas, conhecida por abrigar presos políticos.

O brasileiro havia sido preso sob uma narrativa acusatória de pertencer a uma organização criminosa com outros três venezuelanos no Estado de Vargas (norte). A prisão foi anunciada pelo número dois do chavismo, o psicopata Diosdado Cabello.

O Itamaraty vinha fazendo gestões com a ditadura venezuela desde o anúncio da prisão, mas isso só ocorreu por pressões vindas da sociedade civil organizada. A mídia esquerdista do Brasil fez de tudo para abafar essas pressões, mas não funcionou.

O Brasil só havia sido informado pelas autoridades bolivarianas sobre o paradeiro de Diniz na sexta (5). Desde então, intensificou sua ação junto à ditadura chavista, enquanto conversava com familiares do brasileiro.

Jonatan não tinha nenhuma atuação política na oposição. Estava no país apenas para distribuir brinquedos e ajudar crianças carentes.

Fonte: http://agenciabrasil.ebc.com.br/internacional

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )